23 janeiro 2018

#DICAS - Os top FIVE lidos de 2017

Em 2017 tive leituras maravilhosas, embora não tenha variação nos gêneros literários. A predominância foi em sua maioria livros técnicos. Ainda sim, consegui ler distopia e romance histórico. Todos com ensinamentos significativos para uma vida em alta performance. Não preciso dizer o quanto foi difícil escolher somente cinco para esta lista. Decidi escolher por aqueles que me fizeram ter idéias novas e me levaram à ação de imediato. Neste caso estão por ordem de predileção.


TOP 5:


Uma leitura que me pareceu até certo ponto leve. Um livro que mostra que a mulher deve procurar menos, e ser mais objetiva nas suas escolhas amorosas. Com diferentes pontos de vista de especialistas no tema; depoimentos de homens e mulheres (em um relacionamento ou não). A autora Lori Gottlieb joga 'luz' nas expectativas da mulher contemporânea, que esta a procura por relacionamento estável.



TOP 4:


Uau!!! Foi essa minha reação realmente é um milagre!!

Você assim como eu, quando acordava a primeira coisa que fazia era olhar o Feed do celular? Tem aquela dificuldade inicial para desligar da cama? Aperta a função soneca várias vezes? Então corra e compre este livro!! Com embasamentos científicos, e uma história pessoal de superação, o autor consegue convencer-nos a mudar esses hábitos que são prejudiciais a nossa qualidade de vida.



TOP 3:




Este, sem dúvidas me fez levantar a bunda do sofá e gritar para meus medos; eu é que mando aqui!! Todo mundo tem receio de algo, que muito provavelmente vai lhe fazer melhorar pessoal e profissionalmente. Porém, para que isso mude, temos quer fazer algo. É justamente isso que não fazemos. Ficar na nossa zona de conforto é mais fácil. Então, procrastinamos e deixamos aquela grande oportunidade passar. 






TOP 2:

Sabe aquela voz que grita não faz isso ou aquilo dentro da sua cabeça? Uma julgadora cruel que muitas vezes temos certeza que somos nós mesmas? Ela é mais conhecida por 'sensora interior'. E neste caso, ela é muito mais forte nas mulheres; por que meio que está no nosso "chip" interno. Na época das cavernas as mulheres ficavam  cuidando da prole, enquanto os homens saíam pra caçar. E elas tinham que ficar lá quietinhas, por que lá fora tinha muitos perigos. E nos dias atuais nossa sensora quer ter "o mesmo cuidado" que tinha antigamente. Sem dúvida uma literatura obrigatória para mulheres que querem mudar sua crenças pessoais.

TOP 1:

Aquele livro que você termina abraçado e pensado em todo o percurso que fez com o autor!
A marca da vitória é sim a marca da persistência, a história Phil Knignt é por vezes de tirar o fôlego. A sensação que tive foi a que estava junto dele participando da sua jornada em conseguir realizar esse sonho louco. Foi a primeira vez que senti instigada a me desafia como empreendedora. Uma autobiografia que te faz correr atrás da SUA!





Leituras que me modificaram muito. Espero que gostem dessas dicas; e me contem quais foram as melhores leituras de vocês em 2017.

Design por Amanda
[ voltar para o topo ]